Tipos de Manutenção Predial: Saiba a Diferença Entre Manutenção Corretiva, Preventiva e Preditiva?

Tipos de Manutenção Predial: Saiba a Diferença Entre Manutenção Corretiva, Preventiva e Preditiva?

Tipos de Manutenção Predial

Diferenças Entre Manutenção Corretiva, Preventiva e Preditiva

Em manutenções prediais, podemos abordar diferenças entre manutenção corretiva, preventiva e preditiva. Além disso, elas também desempenham papéis distintos. Portanto, continue lendo este artigo e conheça as diferenças entre essas três formas de manutenção em contextos prediais.

Manutenção Corretiva

A manutenção corretiva em edificações envolve a correção de problemas, defeitos ou falhas quando eles ocorrem de forma não planejada, por isso, essa abordagem é adotada quando há uma interrupção no funcionamento de um sistema ou componente do edifício e é necessária uma ação imediata para restaurar a operação normal, além disso, ela essa manutenção corretiva pode ser subdividida em:

Manutenção Corretiva Não Planejada

Em resposta a uma emergência ou falha inesperada, realiza-se a manutenção corretiva não planejada, muitas vezes resultando em interrupções e custos adicionais.

Manutenção Corretiva Planejada 

Para lidar com problemas conhecidos ou desgaste esperado, agenda-se ou planeja-se a manutenção corretiva planejada com antecedência, mas ainda é uma resposta a falhas.

Manutenção Preventiva

A manutenção preventiva em edificações envolve a execução de inspeções regulares, testes e ações de manutenção programadas para evitar falhas futuras, portanto, essa abordagem é baseada em um cronograma ou em critérios específicos, como o tempo ou o uso, e visa preservar a condição dos componentes e sistemas do edifício. Como exemplo, incluem a limpeza regular de dutos de ar-condicionado, a troca programada de lâmpadas e a inspeção de encanamentos.

Manutenção Preditiva

A manutenção preditiva em edificações utiliza tecnologia de monitoramento contínuo, sensores e análise de dados para avaliar o estado dos sistemas e componentes, além disso, permite prever quando uma falha pode ocorrer com base em indicadores específicos, como vibração anormal em equipamentos ou consumo de energia anômalo. Desse modo, a manutenção preditiva ajuda a agendar intervenções de manutenção apenas quando são necessárias, reduzindo interrupções não planejadas e economizando recursos.

Conclusão

Agora que você já sabe as diferenças entre manutenção corretiva, preventiva e preditiva, a escolha da abordagem de manutenção predial dependerá das necessidades da edificação, do orçamento disponível e dos objetivos de manutenção. Uma combinação de manutenção preventiva e preditiva é preferida para garantir a eficiência e a confiabilidade dos sistemas predial.

Caso queria conhecer mais sobre o nosso serviço de Auditoria das Manutenções e Infraestrutura clique aqui.

 
Checklist Manutenção Predial
Checklist Manutenção Predial

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Relacionados

Contatos

Entre em contato conosco e solicite um orçamento